Como encontrar e remover vírus no console CMD no Windows 7, 8 e 10

Já falamos em alguns casos sobre o console CMD de computadores com sistema operacional Windows , e é por isso que acreditamos que é importante analisar todos os detalhes sobre sua operação.

De fato, estamos escrevendo este artigo para ensinar como encontrar e remover vírus com o CMD nos sistemas operacionais Windows 7, 8 e 10 . E o melhor de tudo, não é necessário que você tenha grandes conhecimentos de informática ou algo assim, porque as etapas que ensinaremos a seguir podem ser executadas por qualquer pessoa que saiba o mínimo sobre computadores.

Como abrir o CMD no Windows

O importante é que, antes de começarmos com o guia, você tenha que levar em consideração alguns detalhes interessantes. Primeiro de tudo, você precisa ter conhecimento suficiente para abrir o prompt de comando, também conhecido como CMD. Portanto, mostraremos em primeira instância qual é o passo a passo para abrir o console do CMD em computadores Windows :

  • Pressione as teclas Windows + R ao mesmo tempo
  • O menu Executar aparecerá
  • Neste menu, você deve digitar cmd e pressionar Enter

Tão simples como abrir o CMD, é excedido. O próximo passo será encontrar e eliminar os vírus com o prompt de comando; assim, novamente, pararemos para que você saiba como agir nesse tipo de situação.

Como encontrar e remover vírus no console CMD no Windows 7, 8 e 10 2

Como encontrar e remover vírus com CMD no Windows

  • Depois de inserir o CMD, você deve digitar a letra da unidade de disco do computador em que deseja procurar vírus para eliminá-los.
  • Supondo que a unidade seja F, você deve digitar f na tela preta e pressionar Enter
  • Após a etapa anterior, você entrará nessa unidade, onde deverá digitar attrib e pressionar a tecla Enter para procurar vírus
  • Se o sistema detectar vírus diferentes, você deverá digitar attrib -r -a -s -h e pressionar a nova tecla Enter
  • A etapa anterior eliminará todos os vírus que poderiam estar vivendo no computador automaticamente
  • De qualquer forma, se você deseja excluir um vírus de cada vez, digite Del antes do nome do vírus e digite Enter
  • Se você não sabe o que são vírus, geralmente são aqueles com extensões SHR
Relacionado:  Como ativar ou desativar os recursos opcionais do Windows 10? Guia passo a passo

Como você pode ver, não é necessário ter um conhecimento muito avançado a esse respeito, levando em consideração que você apenas precisa seguir as etapas que indicamos anteriormente. Apenas não exclua arquivos que nada têm a ver com não fazer parte dos arquivos do sistema.

Nas ocasiões em que você percebe que uma mensagem de acesso negado é exibida, isso ocorre porque você precisa executar o CMD Console como administrador; caso contrário, você não poderá executar isso passo a passo.

Você encontrará informações sobre:

Remover vírus com Cmd 2018

Com a crescente utilização da internet e o aumento de ameaças virtuais, é essencial saber como proteger o seu computador. Os vírus são uma das principais ameaças ao seu sistema operacional, podendo causar danos irreparáveis. Neste guia, vamos apresentar como encontrar e remover vírus utilizando o console CMD no Windows 7, 8 e 10. Através do uso de comandos simples e eficientes, você poderá identificar e eliminar arquivos maliciosos presentes em seu sistema, garantindo a segurança e a integridade dos seus dados.

Passo a passo: Como fazer uma varredura de vírus pelo CMD

Neste artigo, você aprenderá a encontrar e remover vírus no console CMD do Windows 7, 8 e 10. Uma das principais vantagens dessa técnica é a possibilidade de realizar uma varredura completa do sistema, sem precisar instalar nenhum programa adicional.

Para começar, abra o prompt de comando como administrador e digite o comando netstat -ano para visualizar os processos em execução e as portas abertas no computador. Isso ajudará a identificar se existe alguma conexão suspeita.

Em seguida, utilize o comando tasklist para listar os processos em execução e identificar possíveis arquivos maliciosos. Você também pode utilizar o comando taskkill para finalizar qualquer processo suspeito.

Relacionado:  Opções da Internet no Windows 10, 8 e 7: o que são e para que servem?

Para realizar uma varredura completa do sistema, utilize o comando sfc /scannow para verificar a integridade dos arquivos do sistema. Caso seja identificado algum arquivo corrompido, o Windows irá substituí-lo automaticamente.

Outra opção é utilizar o comando chkdsk para verificar a integridade do disco rígido e corrigir possíveis erros. Isso pode ajudar a identificar arquivos maliciosos que estejam escondidos em setores defeituosos do disco.

Lembre-se de manter seu antivírus atualizado e realizar regularmente varreduras no sistema. Com essas técnicas simples, é possível garantir a segurança do seu computador e evitar possíveis danos causados por vírus e malwares.

Passo a passo: Como executar o antivírus do Windows pelo prompt de comando (CMD)

Se você está enfrentando problemas com vírus no seu computador e deseja realizar uma verificação de segurança, pode executar o antivírus do Windows pelo prompt de comando (CMD). Neste tutorial, vamos mostrar como fazer isso de maneira simples e eficiente.

Passo 1: Abra o prompt de comando (CMD)

Para abrir o prompt de comando, vá ao menu Iniciar e digite “cmd” na barra de pesquisa. Clique em “Prompt de Comando” para abrir a janela.

Passo 2: Execute o antivírus

Para executar o antivírus do Windows, digite o seguinte comando no prompt de comando: “sfc /scannow”. Esse comando irá verificar e reparar arquivos do sistema, inclusive removendo vírus que possam estar presentes.

Passo 3: Aguarde a conclusão da verificação

O processo de verificação pode levar alguns minutos para ser concluído, dependendo do tamanho do seu disco rígido e do número de arquivos a serem verificados. Aguarde até que a verificação seja concluída.

Passo 4: Verifique o relatório da verificação

Após a conclusão da verificação, o prompt de comando irá mostrar um relatório de qualquer problema que tenha sido encontrado. Verifique o relatório para identificar se há algum vírus presente no seu sistema.

Relacionado:  Como remover ou alterar a seta dos atalhos no Windows 10

Esses são os passos básicos para executar o antivírus do Windows pelo prompt de comando (CMD). É importante lembrar que, caso seja identificado algum vírus, é necessário tomar as medidas necessárias para removê-lo.

Guia completo: Removendo vírus do Windows 8 de forma eficaz

Se você está enfrentando problemas com vírus em seu computador com Windows 8, não se preocupe! Este guia completo vai te ajudar a removê-los de forma eficaz.

Antes de tudo, é importante destacar que os vírus podem ser bastante prejudiciais para a segurança e privacidade do seu computador. Por isso, é fundamental que você saiba como detectá-los e eliminá-los o mais rápido possível.

Uma das formas de fazer isso é utilizando o console CMD, presente nas versões do Windows 7, 8 e 10. Com ele, é possível encontrar e remover vírus de forma mais eficiente.

Para começar, abra o CMD como administrador e utilize alguns comandos básicos, como o “dir” para listar os arquivos e pastas presentes no disco rígido. Caso encontre algum arquivo suspeito, utilize o comando “del” para deletá-lo.

Outra dica importante é utilizar um antivírus atualizado e passar uma varredura completa no seu sistema. Isso ajudará a eliminar qualquer ameaça que possa estar oculta.

Por fim, lembre-se sempre de manter seu sistema operacional atualizado e fazer backups regulares dos seus arquivos importantes. Dessa forma, você estará mais protegido contra possíveis ataques de vírus.

Com essas dicas simples, você poderá remover vírus do Windows 8 de forma eficaz e manter seu computador seguro e protegido.

Em suma, é essencial manter o seu sistema operacional atualizado e executar análises regulares de vírus para garantir a segurança do seu computador. Utilizando as ferramentas disponíveis no console CMD, é possível encontrar e remover ameaças de forma eficiente e rápida. Mantenha-se informado e protegido para evitar possíveis problemas no futuro.

 

Você pode estar interessado:

Deixe um comentário